Operação Perfuga – Reginaldo Campos deverá fazer delação premiada

O processo que apura a Operação Perfuga, realizada pelo Ministério Público Estadual e Polícia Civil, em agosto de 2017, que resultou na denúncia de 28 pessoas, entre elas, o ex-vereador Reginaldo Campos, parece que vai ter um novo caminho.

Nossa reportagem tomou conhecimento de que a Defensoria Pública desistiu de todas as testemunhas de defesa, em virtude de que Reginaldo Campos decidiu firmar um compromisso de fazer delação premiada.

Diante desse procedimento do ex-Vereador, muita coisa podre virá à tona e o processo pode ter novos rumos.

A chamada ‘Operação Perfuga’ que desarticulou um esquema de corrupção supostamente comandado por Reginaldo Campos, é considerado o maior escândalo na história da Câmara Municipal de Santarém.

 

Fonte: RG 15/O Impacto

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *