Em Rurópolis, homem é mordido por Pit bull e em seguida tenta matar o animal e o dono.

As Polícias Civil e Militar prenderam em flagrante, nesta quarta-feira, dia 03, Antonio Erionilson Santos Silva, de 38 anos, no município de Rurópolis, sudoeste do Pará, pelo crime de tentativa de homicídio. O acusado atirou contra o próprio irmão, Ezequias dos Santos Silva. De acordo com o delegado Ariosnaldo Vital Filho, titular da Unidade Integrada Propaz (UIPP) do município, o acusado estava bêbado e usou uma espingarda do tipo ar comprimido modificada para cometer o crime. Antonio Erionilson foi preso em um posto de saúde do município, quando recebia atendimentos médicos.

Segundo o delegado, o crime teria acontecido após Antonio Erionilson ter sido mordido por um cachorro da raça Pit Bull que pertencia a Ezequias dos Santos. “Com raiva do cachorro, ele quis matar o animal e o dono do cachorro que tentou impedir”, explica o delegado. Em seguida, Antonio Erionilson pegou a espingarda e disparou contra Ezequias dos Santos. O acusado teria escondido a arma na casa do próprio pai e se dirigido a um posto de saúde, para tratar os ferimentos. Foi nesse local que ele acabou preso.

Antônio Erionilson informou aos policiais sobre o paradeiro da espingarda. Policiais civis e militares foram até a residencia e apreenderam a arma. A espingarda foi adulterada para calibre 22. Além da espingarda, os agentes encontraram um cartucho calibre 22, que estava deflagrado.

A arma foi apreendida e encaminhada para análises periciais. Antonio Erionilson já está recolhido à disposição da Justiça e responderá pelos crimes de tentativa de homicídio qualificado, porte de arma de fogo e disparo de arma de fogo.

 

(Informações da redação do Portal do Oeste do Pará reproduzidas do Diário de Rurópolis).

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *