Câmara debate coleta de medicamentos vencidos ou em desuso por farmácias, drogarias, hospitais e postos de saúde de Santarém

Uma Sessão de Tribuna Livre, presidida pelo vereador Ronan Liberal Jr., discutiu com representantes de órgão, entidades e vereadores.
A Sessão de Tribuna Livre desta terça-feira (14/11) debateu um importante assunto para a saúde pública do município de Santarém, a obrigatoriedade da coleta de medicamentos vencidos ou em desuso por farmácias, drogarias, hospitais e postos de saúde do município de Santarém.
A Sessão de Tribuna Livre foi presidida pelo o Vereador Ronan Liberal Jr. que através do Requerimento 1315/2017 de sua autoria, solicitou este espaço para debater o tema juntamente com os vereadores e representantes de entidades. Estiveram presentes o Sr. Walter Matos – Coordenador da Divisão de Vigilância Sanitária (DUS), Professora Ana Camila Sena – Coordenadora do Curso de Farmácia do IESPES, Dra. Tatiana Cunha – Comissão de Saúde da OAB, Dr. Wilson Sabino – Diretor Interino do Instituto de Saúde Coletiva (ISCO/UFOPA), Sr. Marcos Castelo Branco – Superintendente do Conselho de Farmácia /Santarém, Promotora Dra. Lilian Regina Furtado Braga – 8° Promotoria de Justiça de Santarém (Saúde e Educação) e Sra. Gracivania Moura – Presidente do Conselho de Saúde do Município.
Foi discutido um Projeto de Lei de autoria do Vereador Ronan Liberal Jr. que trata deste tema, tendo em vista, ser uma prática normal dos usuários descartarem medicamentos não utilizados, ou com prazo de validade vencida no lixo comum doméstico, vaso sanitário, incinerá-los de forma errada ou até mesmo o uso inadvertido por outras pessoas resultando em reações adversas e graves intoxicações. No entanto, muitas pessoas não têm consciência de que tal medida pode causar diversos prejuízos ao homem e ao meio ambiente podendo contaminar o solo e a água.
Durante o debate foram colocadas diversas sugestões e ideias para serem implementadas no Projeto, formas de conscientização da população através de reuniões itinerantes junto às comunidades, conscientização dos donos de farmácias e drogarias quanto ao medicamento que têm sua data de validade vencida e outros. O Projeto de Lei continua em tramitação na Comissão de Saúde da Câmara e ainda serão debatidos alguns pontos e sugestões que foram abordadas na referida Sessão.
Finalizando, a promotora Lilian Regina Furtado Braga falou em nome dos demais participantes, e destacou a importância de projetos desta natureza que visa o bem comum e que deseja que outras discussões sejam feitas para o aperfeiçoamento dos projetos apresentados. O Vereador Ronan Liberal Jr. finalizou agradecendo os representantes das instituições e órgãos presentes no debate e acrescentou que a discussão de propostas para a população devem ser feitas em conjunto para que todas as sugestões sejam ouvidas e debatidas e ao fim ter um projeto mais justo para toda a população. Por fim, o Vereador destacou que a prevenção de doenças é sempre importante, pois projetos como este são ferramentas que previnem agravos de saúde, fazendo o Poder Público economizar e assim fazer poder maiores investimentos em educação, saúde, infraestrutura, etc.

Fonte: RG 15/O Impacto e Ascom